A ANAJUSTRA agora é ANAJUSTRA FEDERAL. Entenda.
1
Conheça as instituições que receberam cestas doadas pela ANAJUSTRA Federal
19/05/20 16:30 Fonte: Assessoria

Ainda pela participação no projeto Salve o Som, do Sindjus-DF, foram entregues mais 72 cestas básicas para o auxílio de famílias em vulnerabilidade.

Entrega de cestas doadas pela ANAJUSTRA Federal na Cidade Estrutural (DF). Instituição escolhida cadastra, monitora e orienta famílias durante o período de isolamento social.

Frente às diversas crises causadas pela pandemia, qualquer ajuda mínima para uma pessoa é uma grande ajuda para toda a sociedade. Foi pensando nisso e em contribuir para que famílias em vulnerabilidade social tenham condições de passar pelos dias de distanciamento social de forma digna, que a ANAJUSTRA Federal aderiu ao projeto Salve o Som do Sindjus-DF.

Na última terça-feira, 12/5, foram entregues as 72 cestas básicas restantes da doação de duas toneladas de alimento feitas pela entidade. “Doar para projetos e instituições é uma forma de garantir que as pessoas que realmente precisam do auxílio terão acesso a ele de uma maneira contínua enquanto durar a crise”, explica a gerente de contratos da ANAJUSTRA Federal, Jenyellen Reis.

Ela acompanhou presencialmente a distribuição em duas das três organizações que receberam os alimentos doados pela ANAJUSTRA Federal e complementa. “Pudemos ver que são projetos sérios e que as pessoas realmente precisam. Ouvimos algumas histórias muito difíceis, de pessoas que passam por crises pessoais bem antes da chegada do coronavírus ao Brasil.”

Trabalho contínuo

As 72 cestas desta semana foram entregues à Associação Cristã Santa Clara (ACSC), localizada na Cidade Estrutural (DF). A comunidade surgiu e se desenvolveu a partir da ocupação de catadores nos terrenos que circundavam o lixão da capital federal, nesse cenário, muitas famílias têm renda variável dependendo de postos de trabalho informais, além de pouco acesso aos serviços essenciais. E desse mesmo contexto nasceu a ACSC.

Formalizada como pessoa jurídica desde 2015, a associação tem diversas frentes de trabalho para oferecer serviços à população local. Dentre eles, uma creche para crianças de dois a cinco anos em turno integral, atendimento psicológico, médico e odontológico, cursos profissionalizantes.

Nas ações específicas para o enfrentamento do novo coronavírus, o principal tem sido acompanhar as famílias e atender a necessidades urgentes. “Ainda não tivemos notícia de nenhum caso confirmado na região, assim, os problemas que enfrentamos estão mais relacionados ao distanciamento social. Fomos de casa em casa aqui no setor Santa Luzia [bairro em que fica a associação] e fizemos o cadastro de famílias que precisavam das doações”, explica a assistente social Carolina de Albuquerque. Segundo ela, já foram distribuídas 16 toneladas de alimentos na região.

Organização consolidada

Atuando no Distrito Federal há 25 anos, a AFAGO-DF foi a primeira a receber os donativos enviados pela ANAJUSTRA Federal. A organização tem a missão de promover o desenvolvimento completo de crianças e adolescentes, além de assegurar-lhes direitos fundamentais como o acesso à saúde, à educação, à alimentação, à liberdade, à dignidade humana, ao esporte e ao desenvolvimento em família. Assim, também atuando em várias frentes, a organização atende mais de 150 crianças na região do Incra 8 em Brazlândia (DF).

“A família vem até nós, ou encaminhada pelo CRAS, ou pela escola, ou demanda espontânea. Fazemos entrevistas, preenchemos uma ficha socioeconômica, promovemos visitas domiciliares, atendimentos individuais e coletivos. Oferecemos orientação para casos de violência doméstica, abandono de crianças, encaminhamos relatórios para o conselho tutelar”, explica a coordenadora e assistente social, Elizangela Curado.

O projeto oferece às crianças atividades pedagógicas, lúdicas e esportivas, como reforço escolar, formação humana, incentivo à leitura, informática, artesanato, música, esporte, entre outras. “O principal objetivo é dar suporte às famílias para evitar situações extremas que leve ao abrigamento das crianças”, comenta. Durante a pandemia, as ações da associação estão voltadas para distribuir alimentos e itens de higiene para as famílias da região.

Parte da entrega foi acompanhada pela gerente de contratos da ANAJUSTRA Federal, Jenyellen Reis, na foto ao lado de Samuel Elias do SINDJUS-DF.

Apoio à primeira infância

Quem também recebeu auxílio da ANAJUSTRA Federal, através da parceria com o Sindjus-DF, foi a associação Santos Inocentes de Samambaia (DF). Com o fim de apoiar grávidas em situação vulnerável e de oferecer proteção social a crianças nos primeiros anos de vida, a instituição oferece diversos serviços como creches e casas de acolhimento.

“Nosso principal trabalho é para auxiliar as gestantes, oferecendo enxoval, aconselhamento e apoio até alguns meses depois do parto. Para casos específicos, temos casas lares onde acolhemos mães e crianças em situações de violência doméstica, por exemplo. Nesses casos há ainda o atendimento psicológico gratuito”, explica a voluntária Tania Regina Nunes.

Ela diz que acompanha mais de 200 mulheres na região, incluindo pessoas de outras cidades. Durante a pandemia, a principal ação é a distribuição de cestas básicas para as famílias atendidas e a manutenção das casas lares.

Salve o som

O projeto do Sindjus-DF, Salve o Som, tem uma dupla função social durante o período de isolamento social. Um dos pilares é o apoio aos artistas do Distrito Federal através do patrocínio de apresentações ao vivo transmitidas nas páginas do sindicato no YouTube e Instagram. Foram 12 artistas locais se apresentando entre os dias 27 e 30 de abril. A outra frente, na qual a ANAJUSTRA Federal colaborou, distribuiu cestas básicas para instituições pré-selecionadas.

“Recebemos indicação de várias instituições e, antes de doar, procuramos conhecer os locais e as pessoas responsáveis para garantir que as contribuições chegariam a seu destino”, explicou Samuel Elias do SINDJUS-DF.

Acessos: 820

Navegue pelo assunto:

Cidadão  
Filie-se a Anajustra

Você ainda pode ler este mês

Valorize o conteúdo feito especialmente para você, servidor do Poder Judiciário.

Já é associado ? Faça seu login e desbloqueie todos os conteúdos do site

Filie-se a Anajustra

Conteúdo exclusivo

Associado, para continuar lendo, faça seu

Ainda não é associado?

Faça parte da maior entidade
associativa do Poder Judiciário.

Conheça os benefícios