A ANAJUSTRA agora é ANAJUSTRA FEDERAL. Entenda.


Ecologia humana no trabalho: associada publica artigo no jornal Estado de Direito

 27/02/2020    0    0    831  

Alice Gurgel do Amaral é pós-doutoranda em Direito do Trabalho na Sorbonne.

"Para onde caminha uma sociedade onde se privilegia apenas o lucro, a desigualdade, a saúde financeira do capital financeiro e econômico em detrimento dos trabalhadores que perdem a sua saúde física, mental e financeira e até mesmo ficam expostos à fome?"

O questionamento é feito pela associada Alice Gurgel do Amaral no artigo "A ecologia humana no trabalho: Mudanças são urgentes", publicado no jornal online Estado de Direito. Ela também é articulista do jornal, criado pela advogada e jornalista Carmela Grüne, em 2005, na cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

Sobre o artigo

O artigo escrito por Alice, atualmente pós-doutoranda em Direito do Trabalho na Université Paris I Panthéon Sorbonne, na França, contextualiza a situação dos trabalhadores no Brasil, e em alguns países, como Estados Unidos e França.

A autora defende, entre outras questões, que a relação capital e trabalho não apresenta conflitos. "Pelo contrário, ambos os atores sociais e produtivos desejam e precisam dos lucros, das riquezas e do bem estar. O núcleo da questão é a distribuição e os limites dos direitos. O que se pretende salientar é que um não pode enriquecer em detrimento dos outros; uma parte não pode adoecer de tanto se dedicar à outra e sair miserável e desempregada. De um lado, a concentração das riquezas, o bem estar, a saúde e o poder; e do outro, a maior parte dos ônus e desvantagens."

Ela apresenta dez propostas para valorizar os trabalhadores, prevenir lesões e acidentes, e efetivar a aplicação dos direitos humanos no ambiente de trabalho.

Acesse o artigo "A ecologia humana no trabalho: Mudanças são urgentes" no site Estado de Direito.